quinta-feira, 5 de março de 2015

Instalou o Ubuntu e ele ficou pesado para sua maquina.

Nada de cortar o pulso com a faquinha do bolo pullman, começar com o bom e velho mimimi.
Os aparelhos eletrônicos ficam ultrapassados mesmo, até você um dia vai ficar passado,kkkk
Mas para o seu computador já cansado, a equipe do Ubuntu tem umas boas soluções pra você.









O Ubuntu não é apenas aquela tela roxa com a barra lateral e toda a sua bela aparência.
Ubuntu é uma distribuição baseada no Debian, sim baseada por usar grande parte dos pacotes do repositório Debian, mas, a equipe do Ubuntu não vai la e simplesmente usa esses repositórios, eles pegam todos os pacotes, compilam e modificam para o ambiente da família Ubuntu e sobem tudo para servidores próprios, devolvendo alguns desses pacotes melhorados para o Debian e assim retribuindo o uso de seus repositórios, bem diferente dessas pragas que tem por ai né, distrowatch ta cheio dos chupa cabras que só prestam para fragmentar o gnu/linux e lustrar o ego de seus criadores.
Então deu pra entender o que Ubuntu é, um distribuidor de pacotes, uma distribuição.
Agora vem a parte legal, além da base do sistema e dos programas que você usa para navegar na internet, trabalhar e se divertir, tem o ambiente gráfico que a equipe do Ubuntu te da boas alternativas e é disso que irei falar.

O ambiente gráfico padrão do Ubuntu é o Gnome 3 com a sua interface própria o Unity, mas esse usa o Compiz um devorador de recursos do computador, por isso ele pode ficar lento em maquinas modestas que não tenham muitos recursos gráficos.

Ubuntu





Consumo com o computador ocioso por 5 minutos.



Como o Ubuntu padrão ficou pesado para o seu computador, vamos as alternativas, que não vão te deixar com raiva da Canonical.



Vou listar as alternativas para o Unity que eu recomendo para o iniciante.



XFCE4


O xfce4 é o ambiente gráfico do membro da família Ubuntu chamado de Xubuntu, ele é leve, fácil de configurar e muito atraente, recomendado para maquinas modestas.
Para instalar ele em seu Ubuntu de o comando abaixo no terminal.

sudo apt-get update && sudo apt-get install xubuntu-desktop


Ao fim da instalação reinicie o computador.
Na tela de login selecione "Xubuntu- desktop, digite sua senha e tecle enter.


Esse é o XFCE4 da distribuição Ubuntu.


Consumo com o computador ocioso por 5 minutos.


LXDE


O lxde é o ambiente gráfico do membro da família Ubuntu chamado de Lubuntu, ele é super leve, fácil de configurar e muito atraente, recomendado para maquinas mais que modestas roda razoável com 512 MB de memória ram.
Para instalar ele em seu Ubuntu de o comando abaixo no terminal.

sudo apt-get update && sudo apt-get install lubuntu-desktop


Ao fim da instalação reinicie o computador.
Na tela de login selecione "Lubuntu, digite sua senha e tecle enter.



Esse é o LXDE da distribuição Ubuntu.


Consumo com o computador ocioso por 5 minutos.



 Na minha opinião é nessa ordem crescente o consumo dos ambientes gráficos do Ubuntu em maquinas mais antigas e sem muitos recursos de hardware ( Ex: Celeron D, vga on de 64mb e 1 GB de memória ram ), levando em conta o sistema sem se fazer nenhuma alteração, é assim que o iniciante pega o sistema e o usa por um bom tempo.
É logico que em um hardware mais robusto essa diferença quase desaparece ( Ex: Celeron dual core, vga on de 256 mb e de 2 a 4 GB de memória ram )

  1. Open Box ( Muito minimalista )
  2. Lubuntu
  3. Mate  ( Não tem oficial para o 14.04 LTS )
  4. Xubuntu
  5. Kubuntu
  6. Gnome Shell
  7. Unity

Você pode melhorar ainda mais o desempenho da sua maquina com o Ubuntu Minimal

Agora já da pra você dizer adeus para aquele sitezinho mequetrefe distrowat..., a sei eles ajudam as pessoas... comparem a nossa enquete e a de qualquer site/blog sérios com essa aberração de mentiras baseada em clicks e só depois tire suas conclusões.

Bem esclarecedor

Videocast #48 - Refisefuqui





2 comentários:

  1. O que causa mais lentidão, no caso do Unity, é o que ele exige da GPU. O Gnome-Shell, por exemplo, usa bastante RAM do meu notebook novo (recente, mas fraco - celeron 847), mas não tem o peso do Compiz e acaba rodando bem fluido, mesmo usando bastante memória.
    O KDE 5 também roda bem fluido na minha maquininha, mais um que tem efeitos lindos e não usa o Compiz.
    Isso me leva a crer que a Canonical precisa, urgentemente, parar de usar o Compiz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Compiz é uma desgraça cara, vc tem razão em tudo que falou :)

      Excluir